25 de fevereiro de 2006

Dissertação: Resiliência

A pedido de uma professora bolei uma proposta de redação e, para a proposta, escrevi duas redações, sendo a segunda mais argumentativa.

Depreenda o tema:

a) Do Dicionário Eletrônico Houaiss, versão 1.0. , 2001:
resiliência: substantivo feminino
1 Rubrica: física.
propriedade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação elástica
2 Derivação: sentido figurado.
capacidade de se recobrar facilmente ou se adaptar à má sorte ou às mudanças
Etimologia: ing. resilience (1824) 'elasticidade; capacidade rápida de recuperação'

b) Música: Volta Por Cima
autor: Paulo Vanzolini, famosa na voz do Noite Ilustrada.

Chorei, não procurei esconder
Todos viram,
Fingiram pena de mim,
não precisava
Ali onde eu chorei
Qualquer um chorava
Dar a volta por cima que eu dei
Quero ver quem dava.

Um homem de moral não fica no chão
Nem quer que mulher
Venha lhe dar a mão
Reconhece a queda e não desanima
Levanta, sacode a poeira
E dá a volta por cima.

Dissertação Enumerativa:

RESISTÊNCIA PARA VIVER

Resiliência é uma palavra difícil que se usa na Física. Significa a capacidade de alguns corpos em retornar à sua forma original após terem sido deformados. Incorporada pela psicologia e sociologia, tem sido usada para descrever as pessoas capazes adaptar-se a situações difíceis e superarem traumas que, para outros, pareceriam terríveis.
Um exemplo é a pedagoga Helen Keller, que tendo ficado cega, surda e muda na infância, conseguiu superar sua deficiência com o auxílio da família, formou-se e criou uma fundação de apoio a crianças com deficiências.
Outro exemplo é a ministra do meio ambiente da gestão Lula, Marina Silva. Filha de seringueiros, começou a estudar apenas após os 17 anos, num colégio de freiras. No primeiro dia de aula a professora chamou seu nome, ela levantou-se da cadeira e foi até ela perguntar o que queria, todos riram – era apenas a chamada. Mesmo enfrentando a chacota dos colegas, ela se dedicou com todo afinco ao estudo, formou-se em nível superior e, hoje, é um nome respeitado em todo planeta na defesa da natureza, tal qual o mestre Chico Mendes.
É apenas um conceito. Uma palavra. Mas é muito mais. Trata-se de uma qualidade que devemos buscar e cultivar. Poderíamos apenas chorar com nossos problemas mas, se olharmos ao nosso redor, veremos tantos que precisam da força que ganhamos ao enfrentar estes problemas.

Dissertação Argumentativa:

RESISTÊNCIA PARA VIVER – II: Volta por cima

Imagine uma bola. De preferência de borracha. Se a bola fosse dura demais não serviria para jogar futebol, quebraria o pé ou ela se racharia. Por isso ao levar um chute a bola se deforma, mas imediatamente volta ao seu formato original para continuar rodando pelo campo. A esta capacidade a Física chama resiliência. Num certo sentido, a mesma capacidade pode ser vista numa árvore, que em vez de ser arrancada, se verga com o vento, sempre voltando a ficar ereta.
Pois todos somos um pouco bola e um pouco árvore. Chutados por todo lado, arrastados por muitos ventos. A pressão é muito grande. De um lado a crueldade daqueles que se julgam melhores, e tantas crianças sofrem ainda hoje todo tipo de preconceito dos próprios colegas dentro das escolas; de outro lado temos a inveja, daqueles que pensam que nós somos melhores e, portanto, temos que ser atacados por calúnias, insinuações, fofocas, roubos e até fisicamente.
E no meio de tantas adversidades, algumas pessoas parecem ter ainda maiores desvantagens. Deficiências físicas ou mentais, doenças, filhos com problemas. Nem por isso se entregam ao destino triste. Antes fazem alegria. Tal como na música de Paulo Vazolini, a cada novo problema levantam e dão a volta por cima. Também pode ser chamado de resiliência este talento para sempre se recuperar, tal qual uma fênix que sempre renasce das próprias cinzas.
Não parece ser algo fácil de ser aprendido. Mas com certeza é uma qualidade que precisamos buscar. Poderíamos apenas chorar com nossos problemas mas, se olharmos ao nosso redor, veremos tantos que precisam da força que só poderemos devenvolver enfrentando nossas adversidades.

Fábio R., 23 de fevereiro de 2006.


observação: Argumentação: Rubrica: literatura, estilística. No desenvolvimento do discurso, corresponde aos recursos lógicos, como silogismos, paradoxos etc. ger. acompanhados de exemplos, que induzem à aceitação de uma tese e à conclusão geral e final.
Postar um comentário

Pesquisa