1 de janeiro de 2006

Feliz 2006 - Aforismos

Passo o último dia curtindo a solidão e o tédio. Para estrear 2006 assisto tv (oras...), o clip "Comendo uva na chuva" do Karnak (reproduzo a letra no final deste post) e final do filme "A Grande virada". Segue uma reflexão que fiz nos últimos dias, e que guiaram os primeiros...

AFORISMOS DA LIBERDADE

30dez2005 a 01jan2006

1- Há linhas sutis ligando cada coisa ou evento. Pingo d´água e supernova.
2- Um benefício nunca se perde (Allan Kardec).
3- O bem sempre triunfa.
4- Se o mal triunfa, não é de fato mal, mas parte do bem.
5- Não há distinção entre corpo, mente, espirito.
6- Nossos olhos dividem coisas e fatos entre o bem e o mal, mas um e outro, se fossem pessoas, sempre andariam juntas.
7- Deus existindo é tudo e não precisa de outra voz, senão a da sua consciência - Eu, que leio essas linhas.
8- Tudo vale a pena se a alma não é pequena (Fernando Pessoa).
9- Não existe final, mesmo quando algo acaba.
10- "Para sempre' é muito tempo.
11- "Nunca" é um tempo que não existe.
12- Qualquer coisa pode ser tudo, mas tudo não é qualquer coisa.
13- O universo não é eterno, é suficiente.
14- O sonho é um fragmento fora do tempo. Quem dorme demais, não aproveita mais.
15- Morrer é despertar para um sonho ainda mais complexo, se você quiser pode até ser melhor.
16- Nem a alma é imortal, mas permance.
17- Todos os males tem sua origem no egoismo e no orgulho (Allan Kardec).
18- Ambição e auto-confiança são bons sentimentos quando não se esquece que existe o outro.
19- Caminho: humildade, desapego, renúncia.
-

Feliz ano bom 2006
Viva o ano do cachorro de fogo
Chama Yansã
Viva o ano de Obatalá-Oxalá!

f.r.n.

----

Comendo Uva na Chuva

Karnak

Comendo uva na chuva
Cada água que cai do meu rosto
É uma chuva que ainda não parou
Cada água que cai lá de cima
É a lágrima de alguém que brigou
Será que um dia a gente vai parar de briga
Será que um dia a gente vai parar de brigar
Cada raio que cai lá de cima
É uma luz no meio da escuridão
Cada tapa que recebo no rosto
É a chicotada de um furacão
A gente se sente
A gente se sente diferente
A gente se mente
A gente se mente diferente
A gente semente
Semente plantadinha no chão
A gente na mente
Na mente e no coração
I'm not from this world
I came from Atlantis

Postar um comentário

Pesquisa